Noticias

Santarém-PA tem programação especial para celebrar 30 de Pastoral do Menor

O Trabalho realizado pela Pastoral do Menor, na diocese de Santarém, município a oeste do Estado do Pará, completa três décadas e será celebrado neste mês de junho com uma grande programação.

 

A Pamen Santarém iniciou atividades em 1982, quando o então bispo da Diocese de Santarém, Dom Tiago Ryan, da Ordem dos Frades Menores (OFM), pediu à Coordenação Diocesana de Pastoral para fazer um contato com as crianças e adolescentes que trabalhavam nas ruas da cidade para ver de perto a situação em que viviam. Foi a partir desta iniciativa que Irmão Ronaldo David Hein, da Congregação de Santa Cruz, junto com alguns membros da Associação dos Educadores Católicos (AEC), iniciou um trabalho junto a 12 crianças e adolescentes engraxates.no início da década de 80.

 

Atualmente a Pastoral do Menor atende 1.900 pessoas entre crianças e adolescentes. Além da sede, a entidade possui 14 núcleos em diversos locais da Diocese de Santarém, onde são desenvolvidas atividades de esporte e lazer, curso de marcenaria, serigrafia, crochê e bordado, dança, violão e teclado, informática, biscuit, teatro, reforço escolar, corte e costura, e culinária (nos cursos corte e costura, e culinária além de algumas adolescentes, também participam mães de menores atendidos pela Pastoral).

 

Irmão Ronaldo Hein ficou à frente da Pastoral até o dia 2 de janeiro de 2018, partindo para uma nova missão como coordenador da Casa de Formação em Belo Horizonte, MG. Veio agora no último dia 05, especialmente para participar das celebrações de aniversário da Pamen.

 

 

Segundo o coordenador da entidade, padre Eugênio Venzon, da Congregação do Sagrado Coração de Jesus (SCJ), esse “é um momento especial e único, pois nestes 30 anos muitas crianças, adolescentes e famílias foram restauradas devolvendo a todos a dignidade de filhas e filhos de Deus”.

 

 

O bispo da Diocese de Santarém, Dom Flávio Giovenale, ressalta a importância da Pastoral do Menor para a missão social da Igreja em Santarém. Segundo ele, a Pastoral do Menor cuida de um dos grupos mais frágeis da sociedade, crianças e adolescentes que podem se tornar vulneráveis por situações educacionais, familiares, sociais, econômicas. “Por isso é o amor que, como Igreja e como sociedade, demonstramos para quem é menos favorecido. São 30 anos de um trabalho bonito, sério e competente ajudando crianças e adolescentes a terem nova chance na vida. Para nós, é uma alegria celebrar essa história e um compromisso em continuar para que todas as crianças e adolescentes possam ter vida e vida plena”, destacou Dom Flávio.

 

 Texto adaptado de Aritana Aguiar- Diocese de Santarém

www.diocesedesantarem.org.br

 

Leia mais :

Uma matéria especial produzida por uma “cria” da Pamen Santarém, Antônio Junio Pereira, que entrou como adolescente em 1998, e hoje é o coordenador do Regional Norte 2.

30 anos Pamen Santarém

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s