Sem categoria

Mariza Alberton, militante da Pastoral do Menor recebe o Prêmio Neide Castanha

marizaA Família Pastoral do Menor no Brasil-CNBB sente-se muito honrada e agradecida à querida Mariza Alberton por toda a sua dedicação à causa da criança e do adolescente e, em especial, pela sua trajetória na Pamen. Hoje, 14 de Maio, às 17:30h, no Auditório Nereu Ramos, Câmara dos Deputados em Brasília-DF, Mariza Albeton será homenageada recebendo o Prêmio Neide Castanha na categoria “Cidadania”.

Mariza Alberton é professora e especialista na Área da Violência contra Crianças e Adolescentes. Tem mais de 20 anos de compromisso junto a Pamen. É atual vice-coordenadora da Pastoral do Menor, Regional Sul 3. Representa a Pamen no Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (CEDICA), onde já ocupou o cargo de Presidente na gestão 2002/2003.

Mariza coordenou o Movimento Estadual Contra Violência e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes no Rio Grande do Sul.  Tem participado, assiduamente, das Jornadas Estaduais contra a Violência e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes bem como ministrando formação de conselheiros e demais atores da Rede de Proteção e Atendimento à Criança e ao Adolescente.

Foi conselheira Tutelar em Porto Alegre nas duas primeiras gestões (de 1992 a 1998). Assessorou os trabalhos da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito do Congresso Nacional que tratou de Situações de Violência e Redes de Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes no Brasil (2003-2004). É Co-autora em várias publicações e autora do livro “Violação da Infância – Crimes Abomináveis: humilham, machucam, torturam e matam!”. Em 2005,  a carioca Mariza Alberton recebeu o título de Cidadã Honorífica de Porto Alegre, em reconhecimento aos relevantes trabalhos na área da infância.

Mariza Alberton, além destas, tem outras várias experiências de incidência política seja de âmbito regional como também nacional.

 Sobre o Prêmio Neide Castanha

O Prêmio que já está em sua 8ª edição é uma homenagem a Neide Castanha, reconhecida defensora dos direitos humanos que dedicou parte de sua vida a lutar contra a violência a que são submetidas crianças e adolescentes no Brasil. A atuação dessa mulher notável fez dela uma singular referência, no Brasil e no mundo, no que diz respeito ao enfrentamento da violência sexual contra crianças e adolescentes. Participou ativamente do processo de construção do Estatuto da Criança e do Adolescente e da criação do Plano Nacional de Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes. Sua atuação foi fundamental no processo de discussão e investigação como membro técnico da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI), que investigou redes de exploração sexual de crianças e adolescentes no Brasil. Foi fundadora e coordenadora do Centro de Referência, Estudos e Ações sobre Crianças e Adolescentes (Cecria) e Secretária Executiva do Comitê Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes.

Conheça os agraciados da 8ª Edição do Prêmio Neide Castanha

– Boas Práticas: Programa de Pesquisa, Assistência e Vigilância a Violência Rede de Programas de Atenção Integral à violência (PAV ALECRIM);
– Cidadania: Mariza Alberton;
– Comunicação Digital: Coletivo Filhas de Frida;
– Produção de Conhecimento: Livro Infantil “Não me toca, seu boboca!”;
– Protagonismo de Crianças e Adolescentes: Grou Turismo;
– Responsabilidade Social: Fibria Celulose S.A.

Homenagens especiais

Além dos agraciados nas categorias a Comissão Julgadora reconhecerá publicamente em 2018 a Senadora Lídice da Mata e o dramaturgo Walcyr Carrasco.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s